Coisas de Mato Grosso

Cuiabá, 20 de Abril de 2.021

Preencha os dados e assine nossa Newsletter:

Newsletter

Conheça Mato Grosso!

Saiba mais sobre Mato Grosso e suas cidades.

Clique

Prev Next

Notícias

DEBATE: Projeto promove debate sobre o Centro Histórico de Cuiabá

25/02/2021 às 10:00

 

Ação visa incentivar a apropriação dos espaços públicos

Com o objetivo de promover o debate sobre os impactos que o Conjunto Arquitetônico, Urbanístico e Paisagístico do Centro Histórico de Cuiabá sofreu ao longo das últimas décadas, o Grupo de Pesquisa e Extensão Estudos de Planejamento Urbano e Regional (ÉPURA) da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) desenvolve o projeto “Temporada Aberta da Prainha”. Os pesquisadores visam despertar o interesse para discussões coletivas, a fim de experimentar alternativas urbanísticas e reconhecer o potencial do Centro Histórico para a população.

A atividade extensionista está estruturada em três etapas, em que a primeira consiste em mobilizar diferentes pessoas que se relacionam com o espaço, visando possibilitar troca de saberes e percepções por meio de reuniões, palestras e oficinas. “Acreditamos que iremos descobrir muitas ‘prainhas’ que possibilitam acesso à Prainha, mas também são acessadas por ela”, destaca o arquiteto e urbanista integrante do Grupo, Affonso Campos. A segunda etapa tem como objetivo experimentar as diferentes ideias que surgiram nas discussões, que possam ser sintetizadas em intervenções urbanas temporárias, pensadas e implementadas pelos participantes. Por último, com base nas avaliações dos possíveis resultados dessas ações, o projeto busca sintetizar as propostas vindas de quem vive no cotidiano do Centro Histórico.

Desde 2009 o Grupo ÉPURA se dedica à análise das políticas territoriais, incluindo as que impactam o Centro Antigo. Entre diversas ações já realizadas, destaca-se o evento ‘Urbanismo Tático e o Centro Antigo de Cuiabá’, realizado na semana do Patrimônio Cultural, em 2019. “É a nossa história que está intimamente ligada às vivências do Centro Antigo, o que nos encorajou a apresentar essa proposta”, relava a coordenadora do Grupo ÉPURA e docente do curso de Arquitetura e Urbanismo, Doriane Azevedo.

O pesquisador associado ao Grupo, Douglas Peron, dedicou-se a estudar a política de mobilidade urbana em seu Trabalho de Conclusão de Curso, e destaca o baixo grau de caminhabilidade que a estrutura do Centro proporciona, sendo um dos fatores que desestimulam a presença de pessoas na região. “Para pensarmos em como despertar o interesse e incentivar a apropriação dos espaços públicos de Cuiabá, debatendo e experimentando alternativas urbanísticas, seus impactos e como essas ações podem contribuir para que nossa Prainha, nosso Centro histórico seja percebido, apropriado e cuidado por todos. Essa é a expectativa de toda a equipe envolvida”, destaca.

O projeto tem idealização inicial dos pesquisadores Ana Frigeri, Doriane Azevedo e Douglas Peron, realizado em conjunto com voluntários e estudantes que compõem a equipe. A ação é resultado de proposta submetida ao Edital de Seleção Pública nº5/2020/MT Nascentes, promovido pela Secretaria Estadual de Cultura Esporte e Lazer (SECEL/MT).

Mais informações nas redes Sociais do Grupo de Pesquisa e Extensão ÉPURA.





TAGS:CUIABÁ FAET EXTENSAO

Fonte: Gabriel Barros Estagiário, com supervisão da Gerência de Imprensa