Coisas de Mato Grosso

Cuiabá, 3 de Dezembro de 2.020

Preencha os dados e assine nossa Newsletter:

Newsletter

Conheça Mato Grosso!

Saiba mais sobre Mato Grosso e suas cidades.

Clique

Black Style

Ana Garcia 9 8404-2979

Prev Next

Notícias

DESTAQUE: Poder Judiciário cria campanha de arrecadação de alimentos para animais do Pantanal de MT

19/11/2020 às 08:00

 
Os alimentos mais pedidos são os que possuem maior quantidade de água como mamão, melancia, maçã e banana, além de milho in natura e ovos.

Fotógrafo Araquém Alcântara registra fuga de animais e a destruição das queimadas no Pantanal. 


O Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT) começou nesta quarta-feira (18) uma campanha de arrecadação de alimentos para animais que estão sofrendo com as queimadas no Pantanal. São três pontos de coleta espalhados por Cuiabá e Várzea Grande e os alimentos são levados semanalmente para a região.

Segundo o último levantamento feito no dia 15 de novembro pelo Laboratório de Aplicações de Satélites Ambientais (Lasa/UFRJOs), em Mato Grosso já foram queimados mais de 2,3 milhões hectares no Pantanal, o que equivale a 29% de todo o bioma.

Com isso, os animais sofrem muito com a falta de alimentos e desidratação. O TJ criou a campanha em parceria com o grupo voluntário É o Bicho, que já estava levando alimentos para esses animais. Os pontos de coleta ficam no Tribunal de Justiça, no Fórum de Cuiabá e no Fórum de Várzea Grande. Os alimentos mais pedidos são os que possuem maior quantidade de água como mamão, melancia, maçã e banana, além de milho in natura e ovos.

Os voluntários do grupo são biólogos e nutricionistas e fizeram um estudo colocando uma câmera para verificar quais frutas esses animais consomem mais. Foi feito uma lista com essas frutas que contém mais água por conta de desidratação.


A líder do cunho socioambiental do TJ, Ana Carolina da Cunha, explica que os alimentos vão ser coletados em um dia da semana específico e que eles passam por uma triagem.

“Todas as semanas, até janeiro, nas quartas-feiras os voluntários estarão nos pontos de coleta. No mesmo dia eles vão recolher, fazer a triagem das frutas e encaminhar para as câmaras frias”, afirma.

Doações em grande quantidade podem ser feitas diretamente na câmara fria, no Bairro Porto, onde estão sendo guardados os alimentos que serão levados para o Pantanal.

Fonte: G1 MT