Coisas de Mato Grosso

Cuiabá, 21 de Novembro de 2.019

Preencha os dados e assine nossa Newsletter:

Newsletter

Conheça Mato Grosso!

Saiba mais sobre Mato Grosso e suas cidades.

Clique

Prev Next

Cidades / Santa Terezinha

Informações

Site Oficial / Official Site / Sitio Oficial: http://www.santaterezinha.mt.gov.br/

População / Population / Población: 7.399 habitantes (IBGE/2010)

Área / Area / Área: 6.477 km²

Distâncias / Distance / Distancias: 1.313 km

Limites / Borders / Límites: Luciara, Vila Rica, Porto Alegre do Norte, Confresa, Estado do Pará e Estado de Tocantins

Denominação dos Habitantes / Name of Inhabitants / Nombre de los Habitantes: Santa-terezinhenses ou Terezinheses

Aniversário do Município / Anniversary of the City / El nacimiento de la ciudad de: 01 de Março

Prefeito / Mayor / Alcalde: Cristiano Gomes

CEP / ZIP: 78650-000

HISTÓRICO

O povoamento original teve início em ponto distante cerca de cinco kms do atual sítio urbano de Santa Terezinha, com o nome de Pedra Furada, devido ao nome do córrego Pedra Furada, que servia à região.

Devido a problemas de inundações ocorridas no local, a população abandonou Pedra Furada. O novo local de concentração passou a chamar-se Santa Terezinha, em área pertencente a Cia. de Desenvolvimento do Araguaia.

A denominação Santa Terezinha adveio da devoção a esta santa, incentivada pelos padres franceses que atendiam à região. Santa Terezinha é a padroeira dos missionários.

A Codeara era contrária à vinda de posseiros para sua área, e usou de todos os métodos para evitar a fixação daquele contingente em suas terras. Teria utilizado até mesmo tratores para demolir casas de posseiros.

A Codeara agiu impiedosamente. Foi quando a Prelazia de São Félix e a prefeitura de Luciara se empenharam na defesa da população de Santa Terezinha, formada de gente pobre, peões e posseiros.

A Lei Estadual nº 3.758, de 29 de junho de 1976, criou o distrito. Em 4 de março de 1980, pela Lei Estadual nº 4.177, foi criado o município.


CRÉDITOS: Mato Grosso e Seus Municípios, Autor: João Carlos vicente Ferreira - Cuiabá: Buriti, 2004. Anuário Estatístico de Mato Grosso 2005, Associação Mato-Grossense dos Municípios-AMM
Data de publicação: 07/06/2008

Fonte:
www.seplan.mt.gov.br